» » » Segurança no Move e estacionamentos subterrâneos dominam a sessão da Câmara BH

Contratação de serviço privado de vigilância nas estações do BRT-Move, construção de estacionamentos subterrâneos por meio de parcerias publico-privadas (PPP) e desativação do pelotão do Corpo de Bombeiros de Venda Nova foram os temas mais comentados na plenária desta segunda-feira (1/6). 

Logo após a abertura da reunião, parlamentares se revezaram ao microfone e na tribuna para se pronunciar sobre temas urgentes e relevantes da cidade, na etapa conhecida como “pinga-fogo”.

Primeiro foi levantada a questão da contratação de uma empresa de vigilância armada para atuar nas estações do Move, que desde a implantação do sistema registram inúmeras ocorrências de furtos, assaltos e vandalismo. Além da qualidade do planejamento e execução dos equipamentos, que apresentam vazamentos, goteiras e outros problemas estruturais. Houve criticas à terceirização dessa e de outras funções públicas e já que a cidade dispõe de uma Guarda Municipal voltada à proteção do patrimônio público.

Estacionamentos subterrâneos
Vereadores da oposição criticaram ainda a PPP para construção dos estacionamentos subterrâneos nas áreas de maior concentração de veículos, como o Centro e a Savassi. Foi apresentando imagens de um estacionamento vertical rotatório,  apontando os transtornos que as obras poderão vir a causar ao comércio e os custos previstos para os usuários, alegando que “mais uma vez a população pagará a conta para que alguém seja favorecido”.

Desativação dos Bombeiros em Venda Nova
Durante o pinga-fogo houve também a denuncia do sucateamento e a desativação da 2ª Companhia do 2º Pelotão do 3º Batalhão do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais, localizado em Venda Nova. 
com informações CMBH

Postador Leonardo Moreira

Seja Bem-vindo ao meu blog. Deixe abaixo os seus comentários. Obrigado por sua visita e volte sempre!
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe uma resposta